Utilize o campo abaixo para pesquisar obras por título ou código de identificação:

Selecione uma ou mais características para filtrar a sua pesquisa.

P209 - Retrato de Rodolfo Bernardelli


Assinatura

Procedência

Coleção da Galeria Debret

Localização Atual Exposições Individuais Comentários

O retratado – José Maria Oscar Rodolpho Bernardelli (Guadalajara, 1852 – Rio de Janeiro, 1931), escultor e professor na AIBA, desde 1885, foi diretor da ENBA desde a sua criação em 1890, até 1915, tendo deixado o magistério em 1910. Escreveu diversas cartas a Visconti, nas quais assinava como colega e amigo; sendo que o Fundo Eliseu Visconti, do MNBA, guarda oito delas: a primeira de 10 de dezembro de 1894 e a última, de 15 de janeiro de 1909. Em duas cartas de 1895, setembro e novembro, Rodolpho expressa o seu desejo de ir para Paris, e em outra de abril de 1896, diz que pretendia estar lá em julho, dependendo da votação de verba para um trabalho seu. Porém, estudos sobre o escultor indicam que ele esteve em Paris em 1894 e 1899-1900. Como em 1894 Visconti estava ainda às voltas com as várias obrigações de pensionista, é mais provável que tenha retratado Bernardelli em c.1899. A imagem foi recortada da foto antiga com etiqueta numerada do álbum do Projeto Eliseu Visconti, na qual aparece a etiqueta correspondente à numeração do registro da obra no catálogo de 1949. Aparece também na fotografia do pintor em seu atelier, publicada em O Jornal, de 11 de julho de 1926. Comparando-se as duas fotos, nota-se uma pequena diferença no fundo da pintura, por trás do ombro direito do retratado, que tanto pode ser efeito da fotografia quanto uma modificação feita pelo próprio pintor, após 1926. Pelas dimensões diminutas e por estar ainda em poder de Visconti tantos anos depois, é mais provável que seja apenas um estudo para uma pintura não localizada ou não realizada.


Documentos Relacionados

Fale Conosco