Utilize o campo abaixo para pesquisar obras por título ou código de identificação:

Selecione uma ou mais características para filtrar a sua pesquisa.

P248 - Retrato de Mlle. B. Lindheimer


Assinatura

Localização Atual Exposições Coletivas Publicações Comentários

No caderno de desenhos de Visconti [CD006], publicado pela Unicamp, em 2008, estão dois esboços para esse retrato, que sugerem que na primeira ideia, a cadeira seria mostrada de perfil. A pintura foi exposta no Salon de Paris, em 1905, sob o nº 1199, como Portrait de Mlle B. Lindheimer. Apesar de, aqui no Brasil, o Retrato de Nicolina Vaz de Assis [P227], que foi, tanto em Paris quanto no Rio de Janeiro, exposto juntamente com esta pintura, ser muito mais apreciado, em Paris ocorreu o contrário, a julgar pela reprodução desta obra no catálogo do Salon, à p. 111, ao lado do retrato de outra jovem, pintado por J. Flandrim. Também a revista, Renascença, apesar de comentar apenas o Retrato de Nicolina, traz na p. 177 a reprodução do retrato da jovem sentada na cadeira, pintado por Visconti. Nesta mesma edição, à p. 175, está reproduzida uma foto de um canto da exposição, onde se pode ver este retrato na parede, o que nos dá uma ideia das suas dimensões (em torno de 90 cm de altura). Já na revista Kósmos, a crônica de Gonzaga Duque tem o único comentário encontrado sobre esta pintura, e que é também a única indicação de algumas de suas cores: “Um, é de menina transformada em moça, d’olhos celestes e cabellos negros. Clara e rosea, transsudando o capitoso aroma da mocidade e toda primaveral no seu vestido branco. Se não é linda é real. Ella ahi está numa leve cadeirita de bambú, braço apoiado no espaldar, a mão esquerda cujos dedos apertam umas flores singelas, descançada mollemente sobre o regaço e viva, palpitantemente viva, com a rijeza de sua carnação de moça e a calma ingenuidade dum olhar celeste a que o negrume dos cabellos sombream estranhamente”. A legenda de sua reprodução na biografia de Barata, p. 17, informa que a pintura pertencia a uma galeria particular em Paris.


Documentos Relacionados