PR1890 - Menção Honrosa (4º lugar) na Exposição Geral de Belas Artes – 1890

  • Tipo de Documento Prêmios
  • Ano 1890
  • Acervo Museu Nacional de Belas Artes - Rio de Janeiro

Eliseu Visconti, ainda como aluno da Academia Imperial de Belas Artes, participa da Exposição Geral de Belas Artes de 1890, última que seria organizada pela Academia Imperial de Belas Artes. Ainda neste ano, Benjamin Constant, Ministro do Interior da República, aprova a reforma do ensino e transforma a Academia Imperial em Escola Nacional de Belas Artes.
De acordo com o Catálogo, Visconti participa da Exposição Geral de Belas Artes com as obras Mamoeiro [P955] (à época com o título “Ladeira de Monte Alegre”), Novilho [P996], “Uma pedreira” (não identificada), “Retrato” (não identificada) e duas marinhas (não identificadas).
Além da “Menção Honrosa”, as obras “Uma pedreira” e “Novilho” são apontadas por uma comissão composta por Victor Meirelles, Maximiano Mafra e Domingos de Araujo e Silva para serem adquiridas pelo Governo, após o término da exposição.  A solicitação de compra não foi aceita, uma vez que estas pinturas não constam dos acervos do Museu Nacional de Belas Artes ou do Museu Dom João VI, os dois herdeiros da Pinacoteca da Escola Nacional de Belas Artes.

Fale Conosco